No início deste mês, a CMP e diversos movimento populares urbanos de todo o país lançaram a campanha “Movimentos Contra a Covid-19”, que cadastra e divulga pontos de recebimento e distribuição de alimentos, produtos de limpeza higiene para grupos organizados realizarem doações em favelas, ocupações e periferias. Desde que foi criada, em 2 de abril, a campanha já conta com 60 pontos de arrecadação e distribuição em todo o País.

Para se somar à esta campanha, doando ou organizando pontos de arrecadação e distribuição, basta entrar em contato com a Secretaria Nacional da CMP: (11) 5594-3670 ou pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Outra ação da CMP para fortalecer ainda mais a ajuda às centenas de famílias em situação de alta vulnerabilidade foi a abertura de uma conta em um site de arrecadação de recursos, o www.vakinha.com.br, para a compra de cestas básicas de alimentos e produtos perecíveis, como a “mistura” das refeições, bem como itens de limpeza e higiene pessoal. Para contribuir, acesse: http://vaka.me/978192

Todas as propostas e iniciativas dos movimentos populares para combater a Covid-19, cobrar as responsabilidades do Estado, bem como os locais disponíveis de arrecadação e distribuição de produtos estão no site www. https://movimentoscontracovid19.com

O coordenador nacional da CMP, Raimundo Bonfim, afirma que os movimentos têm consciência da importância de suas ações e que a campanha “Movimentos Contra a Covid-19” tem por finalidade praticar solidariedade, mas não ésuficiente”, completa. Por isso, em paralelo às campanhas, os movimentos cobram medidas urgentes do Estado Brasileiro no enfrentamento do aumento da fome, da miséria e do desemprego causados pelo novo coronavírus.

Em recente manifesto assinado por movimentos populares, as lideranças afirmam que “ é fundamental irmos além da solidariedade. Assim, exigimos que os governos cumpram suas obrigações e garantam condições para que o povo mais excluído possa enfrentar e sobreviver à esta situação de crise. Além do imediato pagamento da renda básica, exigimos a suspensão dos despejos por falta do pagamento de aluguel, suspensão de todas as reintegrações de posse, isenção de taxas de água e energia e Vale Gás. E, finalmente, defendemos a imediata suspensão do pagamento das prestações dos mutuários de quaisquer programas habitacionais.”
As iniciativas da CMP fazem parte da campanha Ação de Solidariedades ao Povo Brasileiro, liderada pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

Mais informações:
Assessoria de imprensa: Silene Santos (11) 9 97683-2499

Ler 461 vezes

Partido dos Trabalhadores

O Partido dos Trabalhadores surgiu como agente promotor de mudanças na vida de trabalhadores e trabalhadoras das cidades e dos campos, militantes de esquerda, intelectuais e artistas.

Foi oficializado partido político em 10 de fevereiro de 1980. O PT integra um dos maiores e mais importantes movimentos de esquerda da América Latina. Confira nossas redes sociais

 
 
 
 
 

Seja Companheiro!

Cadastre-se Online

Top